Caetano Veloso, Jorge Mautner e Zé Ramalho exaltam influência de Robertinho de Recife em suas carreiras

Depoimentos desses e outros parceiros musicais estão no quinto episódio da série documental “Robertinho de Recife? Robertinho do Mundo!”, que é exibida no canal Music Box Brazil

 

No quinto episódio da série “Robertinho de Recife? Robertinho do Mundo!” – que vai ao ar às 22h45 desta segunda-feira, 02 de novembro, exclusivamente no canal Music Box Brazil – nomes como Caetano Veloso, Jorge Mautner e Zé Ramalho, além de outros, prestam homenagem a Robertinho de Recife como parceiro e contam como o seu virtuosismo e diligência influenciou suas carreiras, tornando-os músicos mais completos e apaixonados pela arte.

 

Artista plural e um dos mais talentosos e versáteis músicos brasileiros de todos os tempos, ao longo de sua extensa carreira Robertinho de Recife firmou parcerias musicais com vários dos maiores nomes da música no país. Seu trabalho é considerado fundamental na popularização da cultura musical nordestina – em que trabalhou ao lado de Fagner, Alceu Valença, Geraldo Azevedo, Elba Ramalho, entre outros – e também da música pop, do heavy metal e do hard rock no país. Ele promoveu uma guinada qualitativa na produção musical brasileira, atuando como mentor e professor dos artistas com quem colaborou.

 

“Robertinho sempre foi assim, muito devotado e genial. As pessoas muito perfeccionistas tendem a ser mais frias, mas ele não. Ao contrário, é vulcão”, depõe o músico Jorge Mautner. “A gente se encontrava em shows, camarins, e havia uma atração de admiração um pelo outro. Começamos a conversar mais e ter mais intimidade, o que culminou em uma parceria em músicas, discos e shows”, afirmou Zé Ramalho

 

Caetano Veloso é outro que enaltece o trabalho e a parceria com Robertinho: “Uma das coisas que eu mais me orgulho é a música ‘Baby doll de naylon’, um negócio radical na minha trajetória de letrista de canção… Aquilo foi uma inocência e a inocência musical deixa você com a alma fresca. Essas coisas me vieram por causa da música do Robertinho, por que a música tinha essa delicadeza quase infantil, mas ao mesmo tempo uma sagacidade pop. Para mim é um caso importantíssimo”, ele diz nesse quinto episódio da série.

 

A série apresenta tudo isso e muito mais ao público brasileiro pela primeira vez. Dirigida por Claudia André, que também é empresária de Robertinho, a produção é assinada pela Mil Artes. “Robertinho de Recife? Robertinho do Mundo!” estreou no início de outubro, tem dez episódios – cada um com meia hora de duração – que vão ao ar sempre às segundas-feiras, às 22:45.

 

SERVIÇO

SÉRIE DOCUMENTAL ROBERTINHO DE RECIFE? ROBERTINHO DO MUNDO!

Canal de TV por assinatura Music Box Brazil

Estreia do quinto episódio: 02 de novembro, às 22:45

Exibições de episódios inéditos: todas as segundas-feiras, às 22h45

Reprises: terças-feiras às 10h45, quintas-feiras às 19h30 e domingos às 14h

Temporada: 10 episódios de 30 minutos

Classificação indicativa: Livre