SPFW N47: highlights dia 4

O quarto dia de SPFW N47 abriu com os excelentes desfiles de Aluf e Victor Hugo Mattos, ambos pertencentes ao Projeto Estufa.

 

ALUF – Projeto Estufa

A Aluf da estilista Ana Luisa Fernandes, em sua segunda edição no São Paulo Fashion Week, propõe uma moda minimalista, centrada em formas e silhuetas. As organzas reinaram na passarela em versões transparentes em tons suaves. 

 

VICTOR HUGO MATTOS – Projeto Estufa

O estilista Victor Hugo Mattos mais uma vez encantou a plateia do SPFW com seus acessórios incríveis! Homens e mulheres traziam pedrarias, cristais, bordados e brilho por todos os cantos. Um dos destaques da coleção foi o chapéu com miçangas.

 

ca.ce.te company

A Ca.ce.te Company trouxe tecnologia para a passarela. Óculos de realidade aumentada arremataram os looks do desfile da coleção Arquiv007, inspirada no culto à tecnologia. Os modelos foram criados em parceria com a Chilli Beans.

 

TOP 5 | BORANA

A Borana trouxe sua moda praia com biquinis de crochê de malha e patchwork, com referências dos anos 1960 e 1970. As bolsas de palha foram um grande destaque e prometem vir com tudo em 2020!

 

NERIAGE

A estilista Rafaella Caniello em sua estreia na passarela do São Paulo Fashion Week pela Neriage, trouxe uma coleção inspirada na dança e dua possibilidades de expressão. “Ensaio sobre Nós” trouxe para a passarela 27 looks que iam do branco, tons de bege, vermelho até chegar ao preto.

 

HANDRED

Com Virginia Rodrigues cantando ao vivo, André Namitala, da Handred, faz seu desfile inspirado na Bahia – a Bahia dos orixás, dos artistas, de São Jorge e Iemanjá, de raízes brasileiras e africanas, de rica cultura. Linho aparece ao lado de bordados e estampas de búzios.

 

TRIYA

Triya fechou o quarto dia de desfiles com uma coleção totalmente inspirada na cultura Inca. Pela pela primeira vez a marca trouxe moda masculina. Entre as tendências, destaque para o tie dye e os símbolos místicos. 

 

FONTE: SPFW | AGÊNCIA FOTOSITE | VOGUE | TERRA